Blog

Eleição para novos conselheiros tutelares ocorre com tranquilidade em João Pessoa

As eleições para os novos conselheiros tutelares de sete regiões de João Pessoa ocorrem com tranquilidade neste domingo (1). A Prefeitura da Capital disponibilizou mais de mil servidores para auxiliar no pleito eleitoral, que ocorre em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Ministério Público da Paraíba (MPPB) e Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). A votação ocorre até 17h, em 35 locais estratégicos na cidade, visando a facilidade e conforto dos eleitores.  

Sílvio Britto, presidente da Comissão Eleitoral do Conselho Tutelar, destaca a ampliação na estrutura da eleição. “Fazendo um comparativo com 2019, quando foi o último processo eleitoral, ampliamos de 21 para 35 locais de votação, assim como também o quantitativo de urnas, que foi de 133 para 259. Quase dobramos o número para dar um conforto e tranquilidade e até uma segurança maior para os eleitores que forem depositar seus votos na urna e eleger os seus representantes dos direitos da criança e do adolescente”, frisou.  

“Até o momento, tivemos pequenos problemas com algumas urnas, mas que foram trocadas imediatamente para que o processo transcorra tudo tranquilo até o final”, ressaltou o presidente da Comissão Eleitoral.  

Para a promotora de Justiça Fábia Cristina Dantas Pereira, da Coordenação do Centro de Apoio aos Promotores de Justiça da Infância e da Juventude e Educação na Paraíba, o início do processo eleitoral foi tranquilo e ela explica que a função do Ministério Público é fiscalizar todo o processo, desde o início até a apuração, vendo se há alguma irregularidade e trabalhando para que o processo transcorra de forma tranquila e com a lisura necessária.  

“Até agora está tudo muito tranquilo. Temos sete Conselhos Tutelares e estamos divididos em cinco equipes para andar por todos os colégios e também fazer parte da apuração e quero destacar a importância de participar, de votar para escolher um candidato que tenha o perfil para zelar pelos direitos das crianças e adolescentes da nossa cidade”, observou a promotora de Justiça.  

O papel dos conselheiros tutelares é representar a sociedade na defesa dos direitos da criança e do adolescente, atuando em parceria com diversas entidades e órgãos públicos e, para votar, os eleitores precisam apenas apresentar um documento com foto e escolher um candidato da sua região.  

O professor universitário Daílton Alencar Lucas de Lacerda considera importante a participação no pleito eleitoral e destaca o avanço conquistado a partir da construção do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). “O ECA é um avanço em relação às políticas públicas de proteção à criança e ao adolescente e acho muito importante que a gente possa escolher, de forma mais racional, os nossos representantes, porque a gente está vivendo um momento de confusão. A gente espera que os conselheiros que escolhemos possam desenvolver bem seu papel na proteção, na tutela, porque é para isso que eles são eleitos”, disse.  

O vigilante Ricardo César da Silva explica porque resolveu participar da votação. “É uma função que requer responsabilidade para com as nossas crianças. O que a gente mais vê hoje em dia é a situação em que a maioria das comunidades precisa que alguém esteja ali, à frente, para que as crianças possam, quando precisarem, que o Conselho Tutelar esteja ali para isso”, afirmou.  

Parcerias – Todo o processo eleitoral conta com o acompanhamento do Ministério Público da Paraíba (MPPB) e do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba. Assim como a gestão pública, por meio das Secretarias de Gestão Governamental (Seggov), Direitos Humanos e Cidadania (Sedhuc), Educação e Cultura (Sedec), Saúde (incluindo o Samu-JP), Segurança Urbana e Cidadania (Semusb), Ciência e Tecnologia (Secitec) e Comunicação (Secom), além da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP).  

A lista com os locais de votação pode ser conferida clicando aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *