Blog

Revisão de carteira traz avanços e sela novos compromissos entre Prefeitura e BID

A Prefeitura de João Pessoa participou, na tarde desta segunda-feira (4), da revisão de carteira do Programa João Pessoa Sustentável junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Participaram remotamente: Paola Arrunategui, chefe de Operações do BID no Brasil; Clementine Tribouillard, chefe do projeto na capital paraibana junto à Instituição e especialista em desenvolvimento urbano e habitação; representantes do Tesouro Nacional e da Secretaria Especial de Assuntos Internacionais do Governo (Seadin); o vice-prefeito Leo Bezerra, representando o prefeito Cícero Lucena; o secretário de Gestão Governamental, Diego Tavares; e o coordenador geral da Unidade Executora do Programa (UEP), Antônio Elizeu, que apresentou os avanços deste semestre.

No cenário financeiro, destaca-se o desembolso acumulado de US$ 21,5 milhões até este mês. Com uma nova solicitação de desembolso programada, no valor de US$ 8,0 milhões, o programa visa atingir a meta de US$ 29,5 milhões. O comprometimento total, até o momento, atingiu US$ 82,7 milhões, com projeções otimistas para alcançar US$ 91,4 milhões até o fim deste ano – sinal de que a execução do Programa está alcançando os objetivos estabelecidos.

Programa apresentou avanços em várias frentes, incluindo a construção de três habitacionais com 747 apartamentos destinados aos moradores de áreas de risco do Complexo Beira Rio (CBR) e já em estágio de fundação dos terrenos. Progresso também na gestão de risco de desastres, no desenvolvimento comunitário e reassentamento das famílias do CBR, capacitação de mulheres para a construção civil e a efetivação da Compra Assistida, uma das soluções habitacionais oferecidas pelo Programa. Além destes, o Centro de Cooperação da Cidade, a conclusão da sala segura no Data Center, o que representa um salto em termos de segurança e eficiência na gestão de informações do Município.

“Apesar dos desafios com a pandemia nossos projetos estão em execução e não nos impediram de avançar”, disse Clementine Tribouillard, parabenizando o esforço da equipe.

Comprometido com a comunidade, o Programa vem realizando consultas públicas (seis já foram concluídas, faltam duas), cursos de capacitação e incentivando a participação popular por meio de grupos de lideranças. A resposta positiva em 12 dos treze pontos do monitoramento de crise social destaca o compromisso da equipe com as salvaguardas socioambientais estabelecidas pelo BID e, sobretudo, com o bem-estar das comunidades.

Luciana Vanzan, consultora Sênior de temas de Salvaguardas Socioambientais para projetos de desenvolvimento e urbanização do BID, destacou: “conseguimos cumprir o plano de reassentamento, equipe se mostrou empenhada em relação aos acordos. Parabéns à equipe”. Ela também citou a necessidade de rever estratégias de comunicação para as próximas consultas públicas: “a mudança fará diferença”.

Novos acordos foram propostos por Antônio Elizeu, que também apresentou um cronograma de obras futuras, com previsão para conclusão em 2026, quando termina o Programa. “A revisão de carteira foi concluída com sucesso e não apenas celebra conquistas importantes para toda a cidade, mas também solidifica o compromisso contínuo com um desenvolvimento urbano e habitacional sustentável em João Pessoa, pavimentando o caminho para um futuro mais promissor”, garantiu Elizeu.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *